PUBLICIDADE
Roger Flores é criticado após falas sobre o Catar na estreia da Copa do Mundo
22/11/2022 06:12 em Notícia

Roger Flores, ex-jogador de futebol e comentarista da Globo, fez comentários elogiosos sobre a política e a organização social do Catar na abertura da Copa do Mundo e foi criticado nas redes sociais.

Internautas ironizaram, por exemplo, a afirmação de que ele -homem, heterossexual, branco, com credencial de imprensa, rico e ex-atleta conhecido naquele país- foi bem recebido por lá.

Ele ignorou que o Código Penal do Catar trata os homossexuais como criminosos, com pena de oito anos de prisão ou, a depender do caso, de morte.

Neste mês, um ativista do país afirmou que homossexuais são torturados para denunciar outros membros da comunidade LGBT.

Num outro momento, Roger Flores disse que o emir Tamim bin Hamad Al Thani é muito querido e reverenciado no Catar. Recluso e amante dos esportes, ele comanda com autoritarismo um país que lida com diversas denúncias de violações dos direitos humanos.

O governo também foi muito criticado pelas condições de trabalho das pessoas que construíram de estádios para a Copa, com casos de xenofobia e até salários não pagos.

Abaixo, leia algumas das criticas ao comentarista Roger Flores:

 

 

 

COMENTÁRIOS
PUBLICIDADE